• Correio Rondoniense

Polícia Civil deflagra operação para prender suspeitos da morte de casal em Monte Negro


Na manhã desta terça-feira (23) a Polícia Civil de Rondônia, por intermédio da 1ª Delegacia de Polícia Civil de Monte Negro/RO, com apoio operacional das Delegacias de Polícia Civil de Buritis, de Ariquemes e de Porto Velho deflagra a Operação Vendetta, fato que a Polícia Civil cumpre mandados de busca e apreensão e de prisão relativos as investigações da morte de Eberson Mendes, conhecido por Cowboy e da morte de Mirian Francisco, esposa de Cowboy.


Consta que no dia 31 de março desta ano, Cowboy foi morto com 6 tiros na cabeça quando chegava em casa e no dia 12 de abril Mirian, esposa de Cowboy, foi morta na casa dos seus pais com disparos de arma de fogo quando estava no quarto descansando.


Durante as investigações da Polícia Civil foi apurado que as mortes de Cowboy e da esposa Mirian possuíam relação e a motivação foi que recaia sobre Cowboy o triplo homicídio ocorrido no dia 13 de março em Monte Negro, a vitima seria uma mulher identificada como sendo Vanuza, o irmão dela, Rubens e o companheiro de Vanuza, Abel. Sendo que Vanuza e Rubens são pertencentes a conhecida Família Mato Grosso de Monte Negro/RO.


Ficou apurado que a Família Mato Grosso na qual Vanuza e Rubens pertenciam, atribuíram a Cowboy participação no triplo homicídio e como vingança foi orquestrada a morte de Cowboy e de Mirian.


O nome da Operação Vendetta faz alusão a palavra italiana vendetta que em português significa vingança, sendo que a motivação das mortes foi a vingança perpetrada pelos alvos desta investigação e operação policial.


Maiores informações e balanço dos resultados ao final das investigações.



Fonte: Polícia Civil

30 visualizações

Receba nossas atualizações

  • Facebook Correio Rondoniense
  • Twitter Correio Rondoniense
  • Instagram Correio Rondoniense
  • Youtube Correio Rondoniense

© 2020 por Correio Rondoniense. Orgulhosamente criado por Influence Comunicação.

RONDONIENSE