• Correio Rondoniense

Os gladiadores das redes sociais e as Fake News

por Renato Barros



Podemos dizer que nas últimas semanas vivemos em um país de incertezas e de pessoas à beira de um surto. Com o distanciamento social nem é preciso ir muito longe para fazer essa constatação, basta dar uma olhadinha nas redes sociais para termos a plena certeza de que o brasileiro passa por um momento delicado. O mais interessante de tudo isso é que, apesar da guerra declarada; entre os apoiadores do "precisamos voltar ao trabalho" e dos "temos que ficar em casa", nesse momento de tantas dúvidas, arrisco dizer que essa "dicotomia" vem de antes do novo Coronavírus.


Fato é que, essa divisão do país tá bem evidente desde as últimas eleições. O combustível para isso é o fanatismo político disfarçado no melhor interesse do país. Seria uma falácia fazer tal afirmação? Cabê a cada um de nós fazermos um exame interior sincero, se isso for capaz, para chegarmos a um concesso e que agimos na verdade de acordo com nossos próprios interesses. Agir dessa forma não é nenhuma hipocrisia, é algo inerente ao ser humano.


Mas, o mais absurdo é ver nas redes sociais a desinformação, pessoas disseminando as Fake News e travando uma guerra para defender o ponto de vista duvidoso e na maioria das vezes calunioso. Na era da tecnologia, as redes sociais viraram uma verdadeira arena para pessoas se digladiarem, o que parece é que, a mentira tem deixado de ser algo falso e assumindo característica de subjetividade.


Em se tratando de disputa política e Coronavírus não há um lado, mas, precisa haver concesso, principalmente das nossas autoridade. Sem trabalho não nos alimentamos, mas sem saúde não trabalhamos.

51 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Receba nossas atualizações

  • Facebook Correio Rondoniense
  • Twitter Correio Rondoniense
  • Instagram Correio Rondoniense
  • Youtube Correio Rondoniense

© 2020 por Correio Rondoniense. Orgulhosamente criado por Influence Comunicação.

RONDONIENSE