• Correio Rondoniense

A luta de Japonês para evitar um lockdown em Vilhena e evitar que comerciantes sejam prejudicados

Vilhena - Lutando, assim está o prefeito de Vilhena, Eduardo Japonês, que quer a todo custo tirar Vilhena da lista de municípios que voltaram à fase 01, que prevê o fechamento de comércios não essenciais a partir desta quarta-feira (01), conforme Portaria do Governo de Rondônia.


A medida vale por 14 dias e uma maneira encontrada pelo governador Marcos Rocha de reabrir os comércios gradativamente e enfrentar a pandemia sem prejuízo para a economia do estado e para evitar o aumento da doença.


Depois que Vilhena apareceu na lista de municípios que deveriam retornar à fase 01, em que cidades nessa condição precisam fechar todos os comércios não essenciais, o prefeito Eduardo Japonês tem tentando de todas as formas ao logo desta terça-feira (30) contato com o governador, afim de convencê-lo a tirar o município da lista.


Conforme a assessoria da prefeitura, o prefeito entende que Vilhena não deveria estar nesta lista já que não chegou a 80% de ocupação dos leitos destinados as pessoas diagnosticadas com covid-19. Atualmente, conforme Boletim divulgado ontem (29/06), a taxa de ocupação de leitos da Central de Atendimento à Covid-19 chega a 36,8%, sendo 50% na UTI e 31% na Enfermaria.


Agora é preciso aguardar e torcer para que o esforço de Eduardo Japonês surta efeito e que o governo do estado tire Vilhena dessa lista negra.


Da Redação

1,250 visualizações0 comentário

Receba nossas atualizações

  • Facebook Correio Rondoniense
  • Twitter Correio Rondoniense
  • Instagram Correio Rondoniense
  • Youtube Correio Rondoniense

© 2020 por Correio Rondoniense. Orgulhosamente criado por Influence Comunicação.

RONDONIENSE